Combata o enjoo na gravidez com acupuntura

Combata o enjoo na gravidez com acupuntura

.. comentário

No primeiro trimestre da gravidez, embora possa prolongar para o segundo e até mesmo para o terceiro, muitas mulheres grávidas sofrem de enjoos irritantes. No entanto, existem alternativas naturais que podem funcionar.

Durante séculos, a medicina chinesa tem sido usada para tratar e prevenir uma infinidade de doenças no Oriente. Na Europa, chegaram os primeiros conhecimentos da acupuntura, uma parte da medicina chinesa, através da Rota da Seda e muitos dos seus procedimentos permeiam a medicina árabe e medieval. No século XVII, os jesuítas franceses e suíços publicaram os primeiros textos na língua ocidental referentes à acupuntura.

Hoje, esse tipo de tratamento está muito estendido no Ocidente, dando resultados muito bons, tanto para tratar o enjoo na gravidez, como outras patologias que surgem durante a gestação.

Entre as causas dos enjoos, se encontram os distúrbios no estômago, baço, fígado e coração, mas não podemos nos esquecer de que não se trata propriamente dos órgãos, mas da energia que está neles e graças aos pontos nos quais colocamos as agulhas, podemos mobilizar a energia desses órgãos.

Combata o enjoo na gravidez com acupuntura

Como tratamento, podemos começar com o PC6 (Neiguan, na imagem abaixo). Este ponto não só pode ser usado picando a área específica, mas a própria mulher grávida pode exercer pressão, aliviando a irritante sensação de enjoo. De acordo com a medicina chinesa, este ponto é amplamente utilizado quando os enjoos é devido a problemas emocionais.
Combata o enjoo na gravidez com acupuntura
Combinando com este ponto, podemos usar o VB34 de vesícula biliar (Liangqiu), E36 de estômago (Zusanli), E40 de estômago (Fenglong), B21 de bexiga (Weishu) ou B20 de bexiga (Pishu). Todos esses pontos devem ser usados ​​pelo acupunturista, dependendo do tratamento que julgar conveniente e adequado individualmente.

Então, você deve lembrar que, durante a gravidez, a acupuntura pode ser realizada para resolver muitos problemas que podem ajudar a medicina ocidental. Trata-se de um ótimo remédio para enjoo na gravidez.