5 fatores que podem causar suor noturno

5 fatores que podem causar suor noturno

.. comentário


Embora não seja um tema que é falado comumente, são muitas as pessoas que sofrem de suor noturno. Em geral, só associamos com a temperatura do ambiente ou com o clima da cidade em que vivemos. No entanto, os suores noturnos podem aparecer como um sinal de que algo está acontecendo com o nosso organismo. Entenda 5 fatores que podem causar suor noturno.

5 fatores que podem causar suor noturno

1. Pesadelos

De acordo com o pediatra Harry Banshick, as pessoas que têm pesadelos à noite tendem a experimentar suores noturnos. Isso não indica que o indivíduo tenha problemas de saúde, mas sim que atua durante seus sonhos. Conseqüentemente, o sistema simpático é ativado e o corpo responde com esse sinal.

Caso você tenha pesadelos com freqüência, seria importante consultar com um especialista, já que o estresse está intimamente vinculado. Além disso, recomenda-se que durma com pijamas confortáveis e em uma temperatura ambiente não tão alta. Dormir com lençóis de algodão (em vez de poliéster) também pode ser de grande ajuda.

2. Mudanças hormonais

As alterações hormonais afetam particularmente as mulheres. Muitos podem experimentar suores noturnos devido às mudanças nos níveis de estrogênio. A menopausa, por exemplo, está associada a ondas de calor que podem ocorrer durante o dia e a noite (acompanhado de suor).

A menstruação e a gravidez também vêm acompanhadas por mudanças hormonais que podem causar esse sintoma. Uma dieta equilibrada, um exercício regular e uma mente calma serão fundamentais na hora de equilibrar os hormônios durante todas as etapas da mulher.

3. Antidepressivos

Certos tipos de medicamentos podem provocar uma reação adrenérgica que aumenta os níveis de estresse e gera suores. Os antidepressivos são uma das classes de medicamentos que geralmente produzem esse efeito à noite. Se você toma antidepressivos e sofre de suores noturnos, o melhor é dizer ao seu médico para que ele avalie uma possível alteração na medicação. Você também pode procurar saber sobre métodos naturais que não envolvem produtos químicos para tratar a depressão.

4. Infecções

As infecções geralmente são acompanhadas por um aumento da temperatura corporal (febre) e por sua vez, de suor corporal. Para evitá-los, é essencial ter um sistema imunológico forte e isso também implica seguir determinados hábitos de alimentação e de exercício.


5. Linfoma

O linfoma é uma doença na qual se apresenta um crescimento descontrolado das células dos gânglios linfáticos e pode se espalhar para outros órgãos. A falta de apetite, febre e transpiração excessiva são alguns dos sintomas. O corpo se defende das mudanças da temperatura e tenta regulá-las por meio do suor.

Nos casos de pessoas que sofrem de linfoma, os suores profusos ocorre tanto durante o dia como à noite, então se você notar esses sintomas durante um longo período de tempo, consulte com um especialista.

Os suores noturnos são irritantes e ninguém gosta de experimentá-los. No entanto, às vezes eles têm o motivo de ser e se deve prestar atenção para evitar determinadas condições.